fbpx
como-emagrecer-para-o-verao
Sem categoria

Como emagrecer para ir a praia?

Hoje eu quero falar do dilema que vivemos todo o ano, o tal ’emagrecer para ir a praia’ ou ’emagrecer para o verão’ e apesar do título dá entender outra a coisa eu quero mesmo é trazer reflexões em torno de algo que impossibilita viver experiências por conta do peso.

Você ao procurar por emagrecer para ir a praia deve estar partindo da ideia “De como posso ir a praia assim?” e aí eu ter pergunto “Porque você deveria deixar de viver essa experiência?”

Uma das frases que eu já ouvi nos congressos de nutrição comportamental que eu fui é seu corpo não é um ornamento para enfeitar os lugares, ele é um corpo para te possibilitar a viver.

Viver, você tem vívido a vida que gostaria? Quantas experiências você tem deixado para depois porque você não se permite V-I-V-E-R?

“Josi, mas eu estou muito acima do peso…não dá para ir a praia assim!”

Eu escuto essa frase com certa frequência e ao revisitar o passado com minhas paciente mesmo quando elas atingiram o menor peso da vida delas, ainda assim elas não sentiam que podiam se permitir ser feliz!

Eu digo que o padrão de beleza sempre estica um pouco a corda, então quando você ficou magra, surgiu o problema da celulite, resolve a celulite, surge a estria, resolve a estria, surge a flacidez da pele, vamos para a musculação. Agora assim está perfeito! Mas aí você chega na praia e fica se monitorando para ver se tudo está nos conformes.

A diversão? O sorvete num dia quente? A fruta depois do almoço? O sorriso dos amigos e família? A soneca depois do almoço?

Onde está? Como fica?

Eu sei que a tentação de fazer uma dieta radical para dá um susto no corpo e depois voltar ao ritmo saudável é grande, mas o máximo que vai acontecer é você juntar o fogo com a gasolina.

Calma, explico!

Já expliquei aqui no blog que a restrição proposta pela dieta leva a compulsão, agora imagina você fazendo dieta num período onde a comida está em abundância como é no Natal e Ano Novo.

Vai comer e se sentir culpada? Não vai comer e vai ficar pensando na comida enquanto vê os outros comerem?

Uma hora vai acontecer a perda de controle e a compulsão ou exagero vão aparecer. Você sabe que estou falando. É tipo…

“Que saber eu vou comer, só se vive uma vez mesmo”

“Já que eu comi um pedaço de pavê, vou o bolo, churrasco, a farofa, arroz, mousse…”

Pronto, na tentativa de não engordar é provável que você ganhe mais peso nesse momento e sinta que não tem controle sobre a comida causando desespero e frustração.

Eu descrevo essa processo porque é o que acontece e para te alertar que quem controla o que vai ou não comer é o cérebro, a partir do momento que ele identifica uma escassez ele vai te impulsiona a comer mais e mais.

“Josi, mas a minha família fica falando do meu corpo…me sinto mal”

Essa é situação realmente muito difícil, por isso sugiro que procure ajuda de um (a) psicólogo (a) para te ajudar a colocar limite na opinião que as pessoas fazem sobre seu corpo.

Mas a princípio posso te dizer que pessoas que estão felizes com o próprio corpo não procuram defeito ou problema no corpo dos outros!

Quando alguém fala do seu corpo, na maioria das vezes, ela está falando mais de um problema que ela vive com o corpo dela e externalizando para você!

Fica em paz, porque o problema não é com você!

Como emagrecer para ir a praia? Chega o fim de ano e vem a preocupação para emagrecer, mas digo a você que é possível aproveitar o verão sem tanta pressão.

Ainda estamos em novembro, em um ano que foi e é o mais louco das nossas vidas. A morte esteve mais perto do que nunca, isso fez muita gente refletir “Que tipo de vida eu quero viver?”

Você quer lembrar do quanto você se divertiu nos dias que foi a praia e curtiu o verão? Ou quer lembrar das vezes que não foi porque achou que não tinha o corpo da praia?

Se hoje fosse seu último dia de vida, emagrecer ainda seria sua prioridade máxima?

Tire um tempo, leia, releia o texto e responda com a calma as perguntas!

Mesmo num pandemia que impossibilita que saíamos de casa, desejo de coração que você experencie o que é viver um verão sem se preocupar com o peso!

Um grande abraço!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *